Odontologia

Campanha alerta sobre cuidados com a saúde bucal na terceira idade

Dentistas chamam a atenção sobre a importância da prevenção e tratamento odontológico depois dos 60 anos.

“Sempre é tempo de sorrir para a vida!”, esse é tema da campanha nacional do Grupo Qualidade em Saúde que chama a atenção para a importância da prevenção e cuidados com a saúde bucal na terceira idade.

Algumas doenças bucais frequentes no envelhecimento, se não tratadas, podem levar a perda dos dentes, baixa autoestima e doenças mais sérias como câncer bucal, artrite, diabetes e endocardite bacteriana (infecção do revestimento interno do coração), assim como outros problemas cardíacos.

Ao cuidar da saúde bucal, o idoso promove seu bem-estar e, consequentemente, uma melhor qualidade de vida em todos os aspectos. O alerta do Grupo Qualidade em Saúde, com mais de 1.000 dentistas pelo país, reforça a importância da prevenção por meio da campanha nacional odontológica “Check-up Preventivo Digital Melhor Idade”.

Após completar 60 anos, é necessário fazer o acompanhamento com um dentista e realizar exames preventivos para avaliar sua saúde bucal e se informar sobre a incidência de problemas que podem dificultar a mastigação e o sorriso.

Além de consultas regulares ao dentista para um check-up preventivo, é importante manter a higiene bucal: escovação dos dentes pelo menos três vezes ao dia com creme dental com flúor e o uso de fio dental pelo menos uma vez ao dia.

Entre as doenças bucais mais comuns na melhor idade, estão: boca seca, cáries, periodontite e gengivite. Conheça um pouco a respeito de cada uma delas.

Boca seca – Causada geralmente pela diminuição da saliva, é um problema comum entre os idosos. Pode indicar problemas de saúde e, na maioria das vezes, está associada ao uso de certas medicações, como analgésicos, antidepressivos, relaxantes musculares, dentre outros.

Cáries – São comuns também na terceira idade, principalmente por conta do desgaste natural e consumo de medicamentos que resulta no enfraquecimento dos dentes. Uma higiene oral adequada e boa alimentação são essenciais para prevenir as cáries.

Gengivite – A inflamação da gengiva é outro problema que afeta um grande número de idosos. Pode ser ocasionada por fatores como má alimentação, higiene bucal inadequada, alguns medicamentos e doenças sistêmicas – como diabetes, enfermidades cardíacas e câncer.

Periodontite – Muito frequente na terceira idade, esta doença pode levar à perda dos dentes. Acontece geralmente quando a gengivite não é tratada ou o tratamento é adiado. Gengivas inchadas, vermelhas (normal que sejam rosadas) e que sangram facilmente podem ser sinais de que algo não vai bem.

 

QUALIDADE DE VIDA – Beber bastante água e ter uma alimentação balanceada também são cuidados essenciais para manter a saúde bucal.

O consumo de água contribui para a produção de saliva e mantém o corpo hidratado, prevenindo assim contra a proliferação de bactérias na boca.

O mesmo vale para uma alimentação balanceada, rica em fibras, grãos, frutas, verduras e legumes, que ajuda a manter os dentes saudáveis. Deve-se evitar alimentos açucarados, que podem provocar cáries.

Saúde bucal na terceira idade: sempre é tempo de sorrir para a vida!

 

Assessoria de Imprensa

Ana Claudia Mattos

(12) 981562947

Adicionar Comentário

Clique aqui para escrever um comentário

três × 2 =